PUBLICAÇÕES

Prostituição Feminina no Hipercentro de BH e Metodologia de Intervenção Oblata

Compartilhar

No Curso Intervenção Social na Prostituição Feminina, ocorrido na tarde do dia 25/03/2019, Lucinete Santos (Assistente Social) apresentou a realidade de prostituição vivida por maios ou menos 3000 mil mulheres que exercem a prostituição em quase 30 hotéis do Hipercentro de BH.

Na oportunidade foi apresentada também a forma de atuação e metodologias de intervenção da Unidade Oblata Diálogos pela Liberdade – Rede Oblata – BH.

Segue os objetivos de intervenção do Diálogos pela Liberdade neste ano de 2019:

1- PROJETO DE APROXIMAÇÃO/ABORDAGEM

Objetivo: Conhecer a realidade das mulheres que exercem a prostituição mediante visitas a campo (busca ativa) divulgando informações sobre cuidado da saúde integral e sobre promoção da cidadania.

2 –  PROJETO MELHORANDO A QUALIDADE DE VIDA DAS MULHERES QUE EXERCEM A PROSTITUIÇÃO

Objetivo: Garantir o acesso aos serviços de saúde integral e socioassistenciais. Mulheres melhoram a saúde integral, o bem estar e a qualidade de vida.

3-  PROJETO DE ACOLHIDA

Objetivo: Promover o acolhimento, a melhoria da saúde integral, acesso aos serviços socioassistenciais e ao mercado de trabalho.

  • A acolhida é presença, e a presença é feita de atenção total.
  • A Acolhida é o grande diferencial nos Projetos da Rede Oblata.

4- . PROJETO DE SENSIBILIZAÇÃO SOCIAL E ADVOCACY

Objetivo: Ampliar o conhecimento público sobre a realidade das mulheres que exercem a prostituição e criar condições na busca do acesso e reconhecimento de direitos de cidadania.

É A UNIDADE OBLATA DIÁLOGOS PELA LIBERDADE NA LUTA PELA VIDA DIGNA DA MULHER QUE EXERCE A PROSTITUIÇÃO.

Conteúdos do blog

As publicações deste blog trazem conteúdos institucionais do Diálogos pela Liberdade – Unidade da Rede Oblata Brasil, bem como reflexões autorais e também compartilhadas de terceiros sobre o tema prostituição, vulnerabilidade social, direitos humanos, saúde da mulher, gênero e raça, dentre outros assuntos relacionados. E, ainda que o Instituto das Irmãs Oblatas no Brasil não se identifique necessariamente com as opiniões e posicionamentos dos conteúdos de terceiros, valorizamos uma reflexão abrangente a partir de diferentes pontos de vista. A Instituição busca compreender a prostituição a partir de diferentes áreas do conhecimento, trazendo à tona temas como o estigma e a violência contra as mulheres no âmbito prostitucional. Inspiradas pela Espiritualidade Cristã Libertadora, nos sentimos chamadas a habitar lugares e realidades emergentes de prostituição e tráfico de pessoas com fins de exploração sexual, onde se faz necessária a presença Oblata; e isso nos desafia a deslocar-nos em direção às fronteiras geográficas, existenciais e virtuais. 

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *