PUBLICAÇÕES

Workshop: Prostituição e suas interfaces – Uma Intervenção Social

Compartilhar

Realizamos nos dias 18 e 19 de fevereiro um workshop, trazendo como temática a Prostituição e suas Interfaces – Uma Intervenção Social.

Como estratégia de intervenção e sensibilização aplicamos a técnica do Esquizodrama – Se as paredes fala-se, simulando o quarto de hotel a fim de apresentar a realidade das mulheres em contexto de prostituição com repertório musical da banda Francisco, El Hombre, música Triste, Louca ou Má.

E um homem não me define
Minha casa não me define
Minha carne não me define
Eu sou meu próprio lar

Trecho da música Triste, Louca ou Má da banda Francisco, El Hombre
Olhos atentos para o Esquizotrama .
Local: Centro de Referência da Juventude – CRJ

Isabel Brandão a Psicóloga da unidade, esclareceu de formar objetiva a construção de uma identidade em uma sociedade onde o patriarcado e o capitalismo são predominantes.

Influências da uma sociedade ideal interferem na história pessoal de cada indivíduo porque vão determinar quais são os valores, os lugares, as atitudes e as formas de pertencimento social que são “legítimas”.

Violação dos direitos e o estigma foi outro tema refletido nesse evento, a assistente Social da unidade Lucinete dos Santos  explicou o trajetória do movimento de prostitutas  as legislação internacional e nacional. O estigma e as consequência do estigma foi fortemente pontuado neste debate.

“ O estigma atua de dentro para fora, através do medo, da fraqueza de caráter e da sensação de impotência criada e mantida pelo permanente processo de auto-julgamento, auto-condenação e auto-flagelação, o que confirma e antecipa o fracasso pessoal, reafirmando o estigma social” 

Letícia Lans

Momento da roda de conversa com a equipe da unidade e com a participação do Clã das Lobas representando a voz das mulheres.

No segundo dia de encontro de formação para voluntariado. Foram apresentados os projetos da unidade: Abordagem, Melhorando a qualidade de Vida, Acolhida e Sensibilização/Advocacy . O evento contou com a participação de diversos públicos entre eles estudantes universitários, seminaristas, profissionais da saúde entre outros.

Conteúdos do blog

As publicações deste blog trazem conteúdos institucionais do Diálogos pela Liberdade – Unidade da Rede Oblata Brasil, bem como reflexões autorais e também compartilhadas de terceiros sobre o tema prostituição, vulnerabilidade social, direitos humanos, saúde da mulher, gênero e raça, dentre outros assuntos relacionados. E, ainda que o Instituto das Irmãs Oblatas no Brasil não se identifique necessariamente com as opiniões e posicionamentos dos conteúdos de terceiros, valorizamos uma reflexão abrangente a partir de diferentes pontos de vista. A Instituição busca compreender a prostituição a partir de diferentes áreas do conhecimento, trazendo à tona temas como o estigma e a violência contra as mulheres no âmbito prostitucional. Inspiradas pela Espiritualidade Cristã Libertadora, nos sentimos chamadas a habitar lugares e realidades emergentes de prostituição e tráfico de pessoas com fins de exploração sexual, onde se faz necessária a presença Oblata; e isso nos desafia a deslocar-nos em direção às fronteiras geográficas, existenciais e virtuais. 

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *